Brilho

Eu falo com o olhar e pra você não é difícil decifrar.
O meu desejo, meu querer.
Já não param de brilhar ao ver você.
Eles te indicam a direção
e dizem aquilo que não tenho coragem pra dizer.
Feliz por saber que você já percebeu
que todo brilho dos meus olhos
são causados por um sorriso seu.

Ane Souza
13/12/13 1:36am

Chuvinha da boa

– Chuvinha gostosa essa!

– Pena que ela é espessa..
Bate forte e quem estiver abaixo.
Maltrata o coração que já está amargo.

– Mas não é culpa dela
Se essas pessoas não sabe apreciá-la
E não aproveitam para tomar um banho
Que purifica toda a alma.

– Mas as pessoas também não têm culpa
É escolha não tomar banho de chuva.

– Não estou culpando ninguém
Apenas digo: não sabem apreciar  que têm.
Entendo o que queres dizer,
mas com tanta fertilidade que ela tem a trazer,
por quê não deixar a chuva bater?
É um bem imensurável que ela atrai a ti,
pare de reclamar e deixe-a cair.

Ane Souza

Brisa suave

Na brisa suave
das ondas do mar
veleja um barquinho
pensando em atracar.

Mas um vento impetuoso
começa a soprar
e lança o barquinho
para o lado de lá.

No coração do marinheiro
há uma chama
que queima e purifica
e pelo seu bem, clama.

Existe ainda
um fogo que devora
avisando o marinheiro
quando será a hora.

Ane Souza

Só hoje

Se você quiser eu fico hoje.
Fico bem juntinho.
Fico agarradinho.
No teu corpo.
Te faço carinho.
Te cuido.
E podemos brincar.
E dançar.
Até mesmo conversar
sobre as ondas do mar.

Se você pedir eu fico hoje.
Mas pede com jeitinho.
Meu coração não está acostumado
com todo esse carinho.

Pede pra te amar.
Pede beijinhos.
Pede o que você quiser.
Mas só por hoje meu bem.
Não peça mais amanhã.

Amanhã eu já vou ter partido.
Sairei bem devagarinho.
E só quero que você guarde o que foi bom.

Se você quiser eu fico hoje.
Mas não me pede pra ficar pra sempre.
Por que não ficar
vai fazer você me amar eternamente.

Ane Souza
01/11/13

Sou humana

Do corpo
à alma
Sou feita
De sentimentos.
Completamente
Inacabados.

Delicadamente humana
Humanamente delicada.

Sou humana
E como isso é estranho
Queria ser felina
E viver a correr
Brincando.

Sem ter o que dever
Sem ter o que falar.

Ah, quem dera
Se nessa vida,
Conseguisse, às vezes,
Não me expressar.

Silenciar meus sentimentos
Não transformar
De meus sentidos
Uma tormenta
A quem vem me regar.

Ane Souza
16/03/2015
02:49am

Quero o amor

Quero o amor. Quero o amor que me ame. Quero o amor que cuide de mim. Quero o amor do abraço, do carinho e do conforto. Quero o amor que me amou e que sempre vai me amar. Quero o amor que me conte a verdade, que sinta saudade. Quero o amor do respeito. Quero o amor que me olha nos olhos e deixa ver o que sente. Quero o amor de sempre. O amor que se importa com o “a gente”. Quero o amor do cafuné. Quero o amor que me pegue no colo e me elogie. Quero o amor eterno, que me queira presente em todos os momentos. Quero o amor do futuro, que me levará para conhecer o mundo. Quero o amor de agora, que me dá carinho e me consola. Quero o amor do beijo. Quero o amor quente. Quero o amor fervente. Quero o amor que só quer que eu seja feliz. Quero o amor que me ilumina e me guia. Quero o amor que só a mim elogia. Quero o amor que só tenha olhos pra mim. Quero o amor que guarda especialmente para mim o seu tempo, o seu respeito, o seu carinho e sua dedicação. Quero o amor. Quero somente o amor.
28/09/2012 – 01:54am